Promessas para combater China será teste da G-7

(No sentido horário, a partir da esq.) O presidente do Conselho Europeu, Charles Michel, o primeiro-ministro japonês, Yoshihide Suga, a chanceler alemã, Angela Merkel, o presidente francês, Emmanuel Macron, o primeiro-ministro britânico, Boris Johnson, o presidente americano, Joe Biden, o primeiro-ministro canadense, Justin Trudeau, o primeiro-ministro italiano, Mario Draghi, e a presidente da Comissão Européia, Ursula von der Leyen, mantêm conversações no primeiro dia de uma reunião de cúpula do Grupo dos Sete, em 11 de junho de 2021, na Cornualha, Inglaterra. (Pool photo) (Kyodo)

14/06/2021 – 12:59:33 JST – PLYMOUTH, Inglaterra Por Miya Tanaka – O Grupo dos Sete países, depois de passar por cúpulas turbulentas nos últimos anos, parece ter ressurgido à medida que se reuniu com o emblema de países democracias que estão sendo desafiados pela ascensão da China.

Você precisa iniciar uma sessão para visualizar o restante do conteúdo.Por favor, . Você ainda não possui uma conta de usuário? Cadastre-se!
Comentários
Loading...