Japão, México concordam em expandir a adesão ao pacto de livre comércio TPP

05/01/2021 – 14:55:02 JST – TÓQUIO – Os ministros das Relações Exteriores do Japão e do México concordaram, na terça-feira, em coordenar a aplicação firme da Parceria Trans-Pacífico e expandir a adesão ao acordo de livre comércio de 11 partes.

O Ministro das Relações Exteriores japonês Toshimitsu Motegi (Esquerda) e seu colega mexicano Marcelo Ebrard, na Cidade do México, em 4 de janeiro de 2021. (Foto cedida pelo governo mexicano)(Kyodo)

Durante sua reunião no México, o Ministro das Relações Exteriores Toshimitsu Motegi disse a seu colega Marcelo Ebrard que o Japão quer cooperar estreitamente para manter e fortalecer a estrutura econômica livre e aberta, disse o Ministro das Relações Exteriores japonês.

O Japão, que sucedeu o México este ano como presidente do TLC regional, formalmente denominado Acordo Abrangente e Progressivo de Parceria Trans-Pacífico, deve liderar conversações para expandir a participação do grupo.

A Grã-Bretanha, China e Coréia do Sul mostraram recentemente interesse em aderir ao TPP, enquanto as autoridades japonesas estão acompanhando de perto se Washington voltará à estrutura sob a próxima administração americana do presidente eleito Joe Biden.

A TPP agrupa Austrália, Brunei, Canadá, Chile, Japão, Malásia, México, Nova Zelândia, Peru, Cingapura e Vietnã. Ela entrou em vigor em dezembro de 2018, após a retirada dos Estados Unidos em 2017.

Motegi e Ebrard também concordaram em cooperar na abordagem do desenvolvimento nuclear da Coréia do Norte e de questões globais como a mudança climática, com o México se juntando ao Conselho de Segurança da ONU como membro não permanente para 2021 e 2022, disse o ministério.

Em reunião separada com a ministra da Economia, Tatiana Clouthier, Motegi exortou o México a melhorar o ambiente de negócios para as cerca de 1.300 empresas japonesas que operam no país, disse o ministério.

O México é a primeira parada de uma viagem de 11 dias que também levará Motegi ao Uruguai, Argentina, Paraguai, Brasil, Senegal, Nigéria e Quênia.

==Kyodo

Comentários
Loading...