HOMENAGEM: Renato Nakaya recebe ‘Ordem do Mérito Industrial’ da Fiesp

Renato Nakaya, com o presidente da Fiesp, Paulo Skaf, e Henry Nakaya (arquivo pessoal)

O empresário Renato Kenji Nakaya foi homenageado no último dia 21 com a Ordem do Mérito Industrial concedida pela Fiesp (Federação das Indústrias do Estado de São Paulo) a personalidades e instituições nacionais e estrangeiras “que tenham se tornado dignas do reconhecimento ou da admiração da indústria”. A homenagem, no grau comendador, foi entregue ao filho, Henry Nakaya, durante um evento que contou com a presença do presidente da Fiesp, Paulo Skaf, e do prefeito de São Paulo, Ricardo Nunes.
Ao Jornal Nippak, Renato Nakaya atribuiu a homenagem ao reconhecimento ao seu trabalho como presidente do Sidocal – Sindicato da Indústria de Doces e Conservas Alimentícias no Estado de São Paulo – e à frente da Sakura Nakaya Alimentos.
O Sidocal é uma entidade sindical que representa mais de três mil empresas que industrializam produtos à base de atomatados, condimentos e temperos, molho de soja, doces e conservas alimentícias e tem como principal atribuição defender todos os interesses das empresas do setor, como as negociações coletivas de trabalho, revisão dos tributos e questões relacionadas à sustentabilidade.
Já na Sakura Nakaya Alimentos, empresa fundada em 1940 por seu pai, Sueyoshi Nakaya, Renato ocupou a presidência por 36 anos. Desde que assumiu a presidência, em 1984, Renato Nakaya vem trabalhando em reformas de gestão e fez a empresa crescer e deter 85% do mercado de molho de soja no Brasil e 95% do mercado de missô (pasta de soja fermentada).
Paralelamente, a Sakura realizou campanhas de vendas de molho de soja e missô em várias partes do Brasil, contribuindo para difusão desses produtos, antes desconhecidos dos brasileiros não descendentes japoneses.

Sakura Kin – A partir da década de 1970 a empresa investiu na marca Kenko, atualmente presente no mercado com molhos líquidos, molhos de pimenta, molhos emulsionados (tempero pronto para saladas), conservas, temperos prontos, além de produtos asiáticos. A empresa tem forte atuação também no segmento de molho de pimenta.
Com um portfólio de mais de 300 itens com diversas marcas e operação em quatro plantas industriais, no Estado de São Paulo – na Capital, em Presidente Prudente e em Boituva –, e em Goiás – na cidade de Ouvidor –, a Sakura exporta hoje para 18 países da América Latina, Europa e até para o Japão.
Em 2020 lançou o Sakura Kin, um shoyu premium, com a proposta de agradar os paladares mais exigentes, assim como compor diversos tipos de receitas. Entre os diferenciais do Kin está o processo de produção, que passa por nove meses de fermentação natural antes de chegar às prateleiras, o que resulta em um preparo único. Além disso, o produto conta com tecnologia exclusiva e ingredientes totalmente naturais, sem aditivos, desenvolvido sem a adição de corantes, conservantes ou glúten.

Respeito – Exercendo o cargo de presidente do Conselho, desde 2020, ano em que a Sakura comemorou 80 anos de fundação, Renato Nakaya conta que trata-se de um produto inédito e que não existe nem mesmo no Japão. “Temos que ser modestos, mas hoje podemos afirmar que, em termos de molho de soja, competimos de igual para igual com o Japão. Com todo respeito”, diz Renato Nakaya, cujo empenho e trabalho também foi reconhecido pelo governo japonês, que o homenageou com a Comenda de Primavera do 3º Ano da Era Reiwa, no grau Ordem do Sol Nascente, Raios de Ouro e Prata.

Raio x – Renato Kenji Nakaya nasceu em 09 de setembro de 1944. Filho de Chiyoko Nakaya e Suekichi Nakaya, é formado em Engenharia Química pela FEI (Faculdade de Engenharia Industrial) e Engenharia Civil pela UNG (Universidade de Guarulhos. Ocupou o cargo de presidente da Sakura Alimentos de 1984 a 2020, quando passou a exercer a função de presidente do Conselho.
É o atual presidente da Kenko – Kenstar, Kenstar Biogenética e Agropecuária Ltda. e a Cave Antiga Vitivinícola. Foi diretor e conselheiro de várias entidades beneficentes, entre elas a Enkyo, Hospital Santa Cruz (que presidiu de 2010 a 2012) e a Associação Pró-Excepcionais Kodomo-no-Sono.

Comentários
Loading...