DEFESA: Brasil e Japão assinam memorando de cooperação e intercâmbio

O ministro Nobuo Kishi apontou os 125 anos das relações diplomáticas entre os dois países (Ministério da Defesa)

O ministro da Defesa do Brasil, Fernando Azevedo, e o ministro de Defesa do Japão, Nobuo Kishi, assinaram, no dia 15 de dezembro, memorando de cooperação e intercâmbio entre o Brasil e o Japão. Do lado da Embaixada do Japão, participaram o embaixador Yamada e o Adido da Defesa Kanai.
Foram tratados temas como a cooperação na área de operações de manutenção da paz das Nações Unidas e de medidas contra o novo coronavírus. E reafirmaram que os dois países são os “Parceiros Estratégicos Globais” que compartilham os mesmos valores fundamentais, e que possuem um laço através dos nikkeis.
Azevedo destacou as relações de Defesa entre os dois países e lembrou das vezes em que o presidente Jair Bolsonaro e o comandante do Exército, General Leal Pujol, visitaram a nação asiática. “A celebração deste memorando vai estreitar ainda mais os nossos laços de amizade e união”, reforçou o ministro, que desejou sucesso aos Jogos Olímpicos no Japão.
Por sua vez, Nobuo Kishi apontou os 125 anos das relações diplomáticas entre os dois países, comemoradas este ano, e reafirmou que “o Japão e o Brasil compartilham valores fundamentais, tais como liberdade, democracia, direitos humanos básicos e Estado de direito, sendo que também estão unidos pelos nipodescendentes”.
Depois disso, assinaram o Memorando sobre Cooperação em Matéria de Defesa, e reafirmaram que os dois países continuarão promovendo cooperação e intercâmbios em matéria de defesa nas áreas de ajuda humanitária e medidas contra desastres naturais, mantendo a comunicação estreita entre os encarregados de defesa dos dois países.
(Com informações do Ministério da Defesa do Brasil e da Embaixada do Japão)

Comentários
Loading...