BRASIL-JAPÃO: Vereador Aurélio Nomura recepciona cônsul geral na Câmara Municipal

O vereador Aurélio Nomura e o cônsul geral do Japão em São Paulo, Ryosuke Kuwana na CMSP (Aldo Shiguti)

Depois de conhecer a Associação Comercial de São Paulo e a sede da Prefeitura paulistana, no dia 19 de julho, o cônsul geral do Japão em São Paulo, Ryosuke Kuwana, visitou, no último dia 21, a Câmara Municipal de São Paulo, onde foi recepcionado pelo vereador Aurélio Nomura (PSDB), presidente da Comissão Extraordinária de Relações Internacionais. Durante o encontro, eles conversaram sobre aspectos da imigração japonesa, especialmente em Marília (SP) – terra natal do parlamentar – e sobre a contribuição dos japoneses para o desenvolvimento da agricultura brasileira, além da participação dos nikkeis na medicina e na política.
Foi a primeira visita do cônsul à CMSP desde que assumiu o cargo, em agosto do ano passado. Segundo ele, “já era hora” de conhecer a Casa. “Já estou aqui há bastante tempo mas por conta da pandemia não pude vir antes”, disse Rysouke Kuwana, acrescentando que, apesar do recesso, teve oportunidade de saudar o vereador Aurélio Nomura, “que durante a sua vida política trabalhou muitom em prol da comunidade nipo-brasileira”. “Por isso somos muito grato a ele por esse apoio”, ressaltou o cônsul, explicando que a ideia é fortalecer ainda mais as relações entre os dois países e trabalhar para um maior desenvolvimento da comunidade nikkei”.

Frutífera – Foi uma conversa muito frutífera e gostaria muito de intensificar essas parcerias com a Câmara Municipal de São Paulo e com a Prefeitura de São Paulo”, destacou o cônsul. Uma dessas áreas áreas deve ser a saúde, conforme adiantou Aurélio Nomura. “Foi uma conversa muito positiva onde buscamos entendimentos em vários setores, entre eles um maior estreitamento na saúde”, disse o parlamentar, acrescentando que “a gente vê que os hospitais que tem uma origem nikkei já vem buscando essa proximidade”.
“Então, na realidade, nada mais natural do que a gente buscar esses estreitamentos. Acredito que a própria cidade de São Paulo tem essa expectativa de a gente ter esse estreitamento maior com o Japão a acredito que as coisas vão transcorrer normalmente”, explicou Nomura, lembrando que a Agência de Cooperação Internacional do Japão (Jica) contribuiu recentemente para a abertura do moderno Centro Oncológico do Hospital Japonês Santa Cruz através do programa de concessão de subsídios.
“A previsão é que as obras sejam concluídas em março de 2022 e a gente espera que esse novo Centro de Oncologia possa reviver aqueles tempos áureos do Hospital Santa Cruz, quando o setor de oncologia da instituição era considerado um dos mais modernos do país, com serviços de primeira categoria e salas de quimioterapia e radioterapia equipados com dispositivos de última geração, além de contar com profissionais de hospitais renomados”.
Além da Jica, Aurélio Nomura lembra que instituição também recebeu do governo japonês uma doação de quatro ventiladores pulmonares por meio do APC (Programa de Assistência para Projetos Comunitários).
Na ACSP e na Prefeitura – A visita do cônsul ao Palácio Anchieta, sede do Legislativo paulistano, aconteceu dois dias depois de ele conhecer outros dois prédios representativos da cidade. Na Associação Comercial de São Paulo – acompanhado do representante chefe da Jica Brasil, Masayuki Eguchi –, ele foi recebido pelo presidente da instituição, Afredo Cotait, pelo assessor especial da presidência, Carlos Kendi Fukuhara, e pelo presidente da Jucesp (Junta Comercial do Estado de São Paulo), Walter Ihoshi. O presidente e o vice do Bunkyo (Sociedade Brasileira de Cultura Japonesa e de Assistência Social), Renato Ishikawa e Jorge Yamashita, respectivamente, também participaram do encontro.
Já na Prefeitura de São Paulo, o cônsul do Japão foi recebido pelo prefeito Ricardo Nunes e pela secretária de Relações Internacionais, Marta Suplicy, além dos vereadores Aurélio Nomura, George Hato e Rodrigo Hayashi Goulart (videoconferência).

Bruno Covas – Ao Jornal Nippak, Ryosuke Kuwana revelou que pretende realizar uma cerimônia restrita em sua residência oficial onde planeja entregar uma placa de agradecimento do Ministério dos Negócios Estrangeiros do Japão à família do ex-prefeito de São Paulo, Bruno Covas ( que faleceu em maio deste ano) em reconhecimento ao seu trabalho e apoio à comunidade japonesa.
“Gostaríamos de ter entregue pessoalmente, mas infelizmente, por conta da pandemia, não foi possível. De qualquer forma, gostaríamos de externar nossa gratidão com a outorga deste diploma à família por tudo que ele fez em prol da comunidade”, disse Kuwana.

Agrobusiness – Já na Associação Comercial de São Paulo, o cônsul do Japão destacou a forte presença da comunidade japonesa nos mais diversos campos, como nos negócios, no comércio e no agrobusiness, além da agricultura e na política. “Tive uma boa conversa com o presidente da ACSP e gostaríamos de estreitar nossas relações. Com a pandemia ainda é um pouco difícil, mas o processo da vacinação está avançando e esperamos que a situação melhore. Com a melhora gostaríamos de intensificar nossos laços”, disse o cônsul.

Comentários
Loading...