ARTIGO > Eduardo Yoshida: ‘Devemos refletir muito sobre tudo que aprendemos’

*Eduardo Yoshida

Iniciamos mais um ano com a certeza de que superamos muitas mudanças e transformações inimagináveis.
Gostaria de reservar um momento para prestar meus sentimentos a qualquer um de vocês que tenha sido afetado por esta pandemia, pessoalmente ou por meio de um ente querido. Desejo-lhe paz, conforto e amor neste momento.
A pandemia teve um impacto muito amplo em todas as nossas vidas, bem como na economia global. Ficamos mais fortes, mais criativos e passamos a valorizar ainda mais a presença daqueles que amamos.
Como organização, encaramos mudanças repentinas na nossa maneira de ensinar e evoluímos muito, com a cooperação de cada aluno e os esforços de nossa equipe, sempre unidos por uma cultura comum de disciplina, que nos torna imbatíveis diante de eventos como este.
Com a esperança renovada e certos de que estamos um passo à frente de onde estávamos ontem, devemos refletir muito sobre tudo que aprendemos em 2020 e olharmos para 2021 com a cabeça erguida e prontos para fazer a diferença neste novo ano.
Desejo a todos um ótimo ano, muito alegre, pacífico e com muita saúde. Feliz 2021!

Eduardo Yoshida, presidente da Aliança (Arquivo/Jornal Nippak)

*Eduardo Yoshida é presidente da Aliança Cultural Brasil-Japão

Comentários
Loading...