Acessórios a considerar para sua tralha!!!

Conforme o tempo vai passando, o pescador se aprimora e passa a considerar os itens essenciais para ter na sua bolsa de pesca.
Por: Mauro Yoshiaki Novalo
A iniciação pode ser numa pescaria de lambaris num riozinho, lagoa ou represa, ou então num pesque pague com tilápias. Depois de algum tempo, perceberá se realmente gostou da atividade e tornou-se um pescador, ou foi apenas um passatempo. É gritante a diferença entre as duas situações citadas, pois se tomar gosto, com certeza irá atrás de conhecimento e aperfeiçoamento, novos acessórios e inevitavelmente, novos equipamentos.
Se a primeira incursão foi realizada quando muito jovem, pelas muitas novidades e aprendizados durante a fase de crescimento, esta percepção pode ficar represado por anos e anos, até realmente explodir lá na frente, quando já estiver mais ou menos encaminhado na vida. Aí a necessidade de incorporar e absorver as novidades da área, vai ser de certa forma grandiosa, as vezes exagerada, incentivado pelo grande número de acessórios destinados a modalidade.

Alicates e tesouras

Ideal é ter um de bico (se possível, com mais funções: cortar linhas, bico para split rings – troca de garatéias) para retirar o anzol da boca do peixe, e outro de contenção tipo boga para manipular com segurança. Ter também um bom alicate de corte, para arames grossos, é de extrema utilidade no caso de acidentes indesejados com anzóis.
Atenção para o uso do tipo boga, proibido em alguns estabelecimentos, pois se utilizado incorretamente (sustentar verticalmente por tempo demasiado o peixe pela boca) pode causar graves ferimentos. No caso das carpas, é desnecessário o uso pela ausência de dentição. Para estas e os grandes espécimes, sempre o melhor é usar o passaguá.
Para cortar as linhas multifilamentos precisa de uma tesoura específica, com serrilha ou preparada para isso, senão só vai ter a linha mastigada.

Apoiador de vara
Quem pesca com isca natural, seja de varinha de mão ou bait (molinete/carretilha), este artefato proporciona além do conforto, auxílio para visualizar o melhor momento da fisgada. Indispensável para quem utiliza mais de um equipamento, testando profundidades e iscas diferentes.
Bancos e cadeiras dobráveis
Simples, com encosto baixo ou alto, de ferro ou alumínio, de lona ou plástico, vai da preferência do pescador. Além da comodidade para horas de pescaria, em conjunto com o apoiador, vai facilitar muito na hora da fisgada.

Caixas ou bolsas de pesca
Organização contribui na hora da pescaria. É uma solução eficiente para acomodar e transportar com segurança os equipamentos que vai utilizar nas pescarias. Cada um sabe da sua necessidade e tem seu modelo preferido, de acordo com a modalidade e o que pode investir. Obvio, que o ideal é que tenha capacidade para acomodar tudo que costuma levar nas suas saídas pescativas.

Capas para varas e molinetes
Seus equipamentos não são baratos, e ao contrário tem alguns que custam bom dindin. A sugestão é protegê-los com capas. Este cuidado simples, poderá ser o fator principal para usá-los por muito tempo. Pelos preços módicos destes artigos, sejam de neoprene ou tecido, proporcionalmente aos valores dos equipamentos, valem o investimento. As mais simples das capas, como aquelas de TNT, protegem as varas de riscos e arranhões, ainda mais nas pescarias embarcadas.

Alarmes, chocalhos e sininhos
Indicados para quem gosta de enquanto aguarda a batida do peixe, saborear uma bebida ou tira gosto. O alarme é montado próximo ao molinete/carretilha de forma a interceptar a linha principal, e emitirá o aviso sonoro quando a linha for puxada. Chocalhos e sininhos, simples ou duplos, tem uma presilha para serem presos próximos a ponta da vara. É ouvir o barulho e fisgar!

Chuveirinho
Para os pescadores de carpas, é item indispensável. Apesar da aparência frágil, os pequenos anzóis que compõe o conjunto, podem capturar as bitelas. A mola, encaixada no meio da massa funciona como estrutura e a mantém firme, principalmente no arremesso.

Dica: montar a massa no formato de uma coxinha e depois encaixar os anzóis. Normalmente o com o rabicho mais longo, é o que vai parar na boca do peixe. Isto pelo fato desta espécie primeiro assoprar, e depois através da sucção recolher os micro-organismos que deseja. O ponto da massa, é quando estiver esfarelando aos poucos. Já a receita, a base é ração de peixe moída, farinha, banana, açúcar ou mel, batata cozida, e daí para frente você finaliza à sua maneira.
Atualmente, muitos usam as pastilhas prontas que rendem ótimos resultados para os adeptos desta pescaria. Práticos na hora de montar, é engatar no aparato específico para tal, e preparar o arremesso

Encastoados
Variam em torno dos 10 cm, podem ser de aço flexível ou arame, e são indispensáveis quando os peixes alvos tem dentição, caso de dourados e redondos em geral, principalmente se está utilizando iscas naturais. Outra opção são os anzóis encastoados.

Estojos para pequenos objetos
Com modelos, tamanhos e tipos variados, são indispensáveis para armazenar pequenos objetos como: chumbadinhas, giradores e anzóis. Melhor se forem transparentes e com tampas independentes para cada box ou nicho.

Passaguás
Para os “bitelos”, utilizar o passaguá, é garantia de sua segurança e integridade do peixe. A maioria dos estabelecimentos tem para emprestar, para facilitar na hora de devolver o peixe com segurança para a água.

Porta varas
Pode ser simplesmente um tubo de PVC com tampa, ou escolher entre os diversos modelos de variados preços nas lojas especializadas, o que seja apropriado para acomodar e transportar suas varas de pesca. Todo cuidado é pouco, pois uma pequena batida pode danificar um passador e lá vai sua vara preferida para conserto. Formatos e montagens especificas atendem as diversas modalidades, inclusive se preferir, guardar a vara com o molinete/carretilha já montado.

Porta alicates

Bom para deixar ao alcance da mão pelo menos 2 dos alicates mais utilizados: o de bico e o de corte, sendo que no mercado existem formatos destinados a acomodar outros acessórios.

Enrolador de linha
Quem usa varas telescópicas lisas, não tem onde enrolar a linha depois de encerrada a pescaria. Se o fizer na própria vara, ao juntar com as outras, certamente vai ter um belo enrosco. O acessório encaixado, amarrado (lacre plástico) ou colado na base da vara, armazena a linha de forma adequada, deixando tudo pronto para próxima empreitada.
Caso prefira comprar dentro do conforto da sua casa, é só acessar www.uhobby.com.br e escolher os melhores produtos: de pesca (inclusive vestuário); aquarismo ou suculentas; tudo com o selo de qualidade da Piscicultura Chang.
Neste verão que promete dias muitos quentes e chuvosos, é usar roupas leves e confortáveis, ter uma boa capa de chuva, sem esquecer do boné ou chapéu, e óculos de proteção (com lentes polarizadas vai ter melhor visão do que acontece um pouco abaixo da linha d’água).
Caso vá fotografar, deixe tudo preparado para fazer isto no menor tempo possível, sempre com segurança para você e o peixe.
Quando e onde possível, ótimas pescarias!!!


Apoio

Guss Produções www.gussproducoes.com.br
Maré Iscas www.mareiscas.com.br
Massas e Produtos Petersen www.petersen.com.br
Deconto Iscas Artificiais www.morodeconto.com.br
Moro Fishing www.morofishing.com.br
Piscicultura Chang www.pisciculturachang.com.br
A Radio Atividade www.aradioatividade.com.br
Uhobby www.uhobby.com.br

Comentários
Loading...