Tralha básica para pescarias!

Para divertir-se nas pescarias, não precisa sair gastando e comprando tudo que é oferecido no balcão das lojas de pesca. Preocupe-se com o necessário e dependendo do local pretendido, pode simplesmente alugar.
Por: Mauro Yoshiaki Novalo
Para os iniciantes, não é tarefa fácil montar a tralha, pois a oferta de equipamentos e acessórios é imensa. Tem de tudo para se vender ao pescador, desde pequenos anzóis até dispositivo para fisgar o peixe automaticamente. Tudo isso para facilitar a pescaria.
Então como escolher o necessário para as pescarias?
O primeiro passo é idealizar onde vai ser a pescaria: lago, rio, represa, mar, praia ou estabelecimentos próprios para isso, denominados pesque-pagues.
Se você quer um pouco mais de conforto, fácil acesso e segurança, a recomendação é o último citado, pois aí, poderá fisgar peixes e soltar (conforme as normas de cada estabelecimento), e além da facilidade de estar bem próximo dos grandes centros, não se preocupar em levar refeições e etc. Em grande parte destes, terá à disposição outras atividades e até piscinas, para quem não gosta tanto assim de pescar, oportunidade de levar toda a família, inclusive os pequenos para iniciá-los e integrá-los nas atividades ao ar livre.
Para os apreciadores da natureza, nada melhor do que se locomover até uma represa, rio ou lago próximos. Nestes, ou na praia, ainda tem a facilidade de capturar as iscas no próprio ambiente. Para cada um destes destinos, há uma certa variação na tralha a ser utilizada para obter o sucesso desejado.

Pesque-pagues
Com varas simples sejam de bambu ou telescópicas, utilizando como isca: massa, minhoca, bichinhos de pão e etc (tudo isso você encontra a venda nestes estabelecimentos) você já pode passar o dia na beira dos lagos, divertindo-se com peixes como: tilápias, bagres, redondos (pacus, tambacus, patingas e suas variações), dourados, matrinxãs, piraputangas, piaus, pintados, pincacharas e etc.
Resumindo: varas lisas + linha + anzol e as iscas citadas já são suficientes para espécies de 2 a 3 kg. Para peixes maiores, vai precisar de conjunto de bait (vara + molinete ou vara + carretilha) com capacidade para pelo menos 100 de linha, para aguentar a briga com os grandões. Em casos específicos como as grandes carpas, massas especialmente preparadas para elas e bóias inteligentes, facilitarão para as capturas.

Rios, lagos e represas
Considerando ser pesca desembarcada, pode pescar pequenos peixes com varinhas de mão. O comprimento vai depender de onde está, por exemplo se em volta tiver mata fechada, vai ser complicado trabalhar com comprimentos acima de 2m.
Para arremessos mais longos o ideal é usar conjunto de bait (usar molinete ou carretilha é conforme sua preferência). O alcance vai depender da quantidade de linha. Como isca: além da minhoca, frios, tripa de galinha e um leque inteiro de artificiais. Outra alternativa é pescar pequenos lambaris (excelentes como iscas ou petiscos) com vara de mão, enquanto deixa um equipamento na espera para peixes maiores.

Praia e Costões
Para o famoso “pé na areia” você vai usar o conjunto de bait citado anteriormente, a diferença é que aqui as varas são mais compridas e pelo menos 150m de linha, para propiciar mais distâncias nos lançamentos. Na espera, a linha vai ficar acima do movimento das ondas, facilitando perceber a batida do peixe. Camarão inteiro ou em pedaços – descascado ou não – mariscos, minhoca de praia e corruptos são boas iscas para serem utilizadas. Sardinhas inteiras ou em toletes e lulas em pedaços também são indicados.

Melhor ir com dois conjuntos, um leve para pescar na “espuma” a curta distância, visando peixes como pequenos pampos, bagres, betaras (pernas de moça) e outros que passeiam no primeiro e segundo canais. Outro conjunto, mais pesado, vai ficar na espera, reservado para lances com mais de 70m de olho em peixes maiores. Necessidade de amarrar a isca utilizando de “elastricot” ou similar, para não perdê-la durante o arremesso. Normalmente são montadas pernadas de 2 a 3 anzóis. A chumbada mais utilizada é a pirâmide, que agarra melhor no fundo de areia. Para melhor performance a grandes distâncias existem outros formatos.
Nos costões, equipamento similar ao pé na areia, reservar um conjunto de bait para lançamentos longos, que vai ficar na espera da batida de um peixe mais ao longe, e outro para ir atrás dos peixes que nadam próximos as pedras, que vem “mariscar” nas pedras. Grandes chances de perder chumbadas nos enroscos, então é preciso ter uma boa quantidade de reserva. Os ideais, circulares com furo interno denominados “medalhas” tem a propriedade de subir à tona rapidamente quando recolhidos, diminuindo a chance de enroscar.

Embarcado
A modalidade tem suas peculiaridades, seja em água doce ou salgada. Dependendo do ponto, dos peixes alvos, o equipamento e iscas mudam consideravelmente. É consultar os pescadores conhecedores dos pontos pretendidos para montar sua tralha. Importante ir com guia de confiança, experiente e profundo conhecedor da região. Além de facilitar para sua pescaria, reforça sua segurança, que é o fator mais importante. Condições climáticas podem mudar rapidamente de um momento para outro, inviabilizando e tornando perigosa sua pescaria, um guia calejado vai fazer a diferença nesta situação. Prevenir vale a pena! Acompanhe a previsão do tempo para a localidade, e no caso de ondas significativas ou tempestades, remarque sua pescaria para outra data.
Sempre ir acompanhado, e deixar os mais próximos avisados sobre a programação que vai seguir. Alimentos leves, frutas e água devem fazer parte da sua mochila. Roupas de secagem rápida e confortáveis, banqueta ou cadeira, alicate de bico e tipo boga auxiliam bastante. Bonés ou chapéus, repelente, protetor solar, óculos de proteção são itens indispensáveis.
Quando possível, ótimas pescarias!!!


Apoio

Guss Produções www.gussproducoes.com.br
Maré Iscas www.mareiscas.com.br
Massas e Produtos Petersen www.petersen.com.br
Deconto Iscas Artificiais www.morodeconto.com.br
Moro Fishing www.morofishing.com.br
Piscicultura Chang www.pisciculturachang.com.br
A Radio Atividade www.aradioatividade.com.br
Uhobby www.uhobby.com.br

Comentários
Loading...