OTA: 2019 foi o ano da superação

“Meu mandato tem dado voz e espaço para uma parcela da população antes esquecida” (divulgação)

Poder honrar a palavra, para mim, um issei da Ilha de Okinawa, é motivo de satisfação. Refiro-me a uma luta que tornei minha há sete anos, quando decidi reativar o antigo Hospital e Maternidade Carrão, fechado há quase 20 anos.
Passaram-se dois prefeitos, três secretários de Saúde e lá se foram sete anos de muita luta, reuniões na Secretaria de Saúde, Caixa Econômica Federal (para salvar emendas federais de minha esposa, a nossa sempre deputada Keiko Ota) e encontros com uma recém-formada comissão de moradores. Enfim, começou a aparecer luz no fim do túnel – o antigo prédio foi demolido. O primeiro passo foi dado quase no fim de 2019. Agora, cabe à Secretaria de Saúde e ao Prefeito Bruno Covas, os próximos. Eu continuo cobrando, fiscalizando e contribuindo com emendas para a concretização de um sonho que irá beneficiar mais de 700 mil pessoas na Zona Leste.
Esta luta pelo hospital é solitária. Na verdade, quero deixar aqui um agradecimento especial a minha esposa, Keiko Ota, única parlamentar que enviou emendas juntamente comigo. Tudo depositado na Caixa Econômica Federal para uso no hospital.
Mas meu mandato também teve outras vitórias importantes. Abri uma nova e importante frente de trabalho no segmento de Cultura e Esportes, com foco no paradesporto, e na Superação.
Superação, meus amigos, é transformar adversidades da vida em lição pessoal, é crescer, mudar sempre com vistas a evoluir. Meu mandato tem dado voz e espaço para uma parcela da população antes esquecida.
Por fim, e tão importante quanto, 2019 foi um ano em que percorri várias associações (kaikans), o Festival do Japão, das Cerejeiras e tantos outros núcleos de cultura japonesa, sempre pensando em como preservar, manter e fortalecer nossas tradições sempre vivas aqui no Brasil. Prova disso, foi o bem-sucedido Karaokê Ono Satiko Kayo Matsuri que organizei com a professora Satiko Ono e que reativou na memória dos presentes esta arte milenar que não pode acabar. Muito Obrigado!

Ota, vereador do PSB

 

Comentários
Loading...