HAICAI BRASILEIRO: Mutuca – Flor de cerejeira – Dia da Ave

Jornal Nippak publica aqui os haicais enviados pelos leitores. Haicai é um tipo de poema que se originou no Japão. Seu maior expoente é Matsuo Bashô (1644-1694). O haicai caracteriza-se por descrever, de forma breve e objetiva, aspectos da natureza (inclusive a humana) ligados à passagem das estações. Hoje, no mundo inteiro, pessoas de todas as idades e formações escrevem haicais em suas línguas, atestando a universalidade dessa forma de expressão.
Envie seus haicais (no máximo três de cada tema sugerido) digitados ou em letra legível, com nome (mesmo quando preferir o uso de pseudônimo), endereço e RG.
Cada pessoa pode participar com apenas uma identidade.
A seleção dos trabalhos é feita pelos haicaístas Edson Kenji Iura Francisco Handa.
Envie suas cartas para:
Haicai Brasileiro
A/C Jornal Nippak
Rua da Glória, 332
CEP 01510-000 São Paulo-SP
E-mail: jornaldonikkey@yahoo.com.br
Cc. ashiguti@uol.com.br


TEMAS DE SETEMBRO
Mutuca – Flor de cerejeira – Dia da Ave

Passeio no bairro
quebrando o isolamento –
Cerejeira em flor
Alvaro Posselt
Curitiba, PR

No dia das aves,
o espanto dos alunos
ao ver a galinha.
Antonio Seixas
Magé, RJ

Com galhos de murta
a mulher bate nas pernas –
Ah, quantas mutucas!
Benedita Azevedo
Magé, RJ

cerejeiras em flor
idosos a contemplar
com olhos fechados
Carlos Viegas
Brasília, DF

O velho animal
já nem bola dá pra ela –
Mutuca de cavalo.
Cristiane Cardoso
São Paulo, SP

o canto dos pássaros
como se soubessem a data –
Dia da Ave
Daniel Morine
Santos, SP

Um tapa ao vento
Outro tapa na perna
Ah, essa mutuca!
Danita Cotrim
São Paulo, SP

no portão do parque
meu primeiro registro
cerejeiras em flor
Elisa Campos
São Paulo, SP

Enfeite singelo
no cabelo da menina –
Flor de cerejeira
George Goldberg
Londres, Inglaterra

Os renques de árvores
rosadas, brancas, rubras…
Flores de cerejeiras!
Irene Fuke
São Paulo, SP

eta, mutucas!
entre picadas e tapas
a volta do rio
José Marins
Curitiba, PR

Mutuca cutuca
sem parar… é um espírito
faminto somente…
Kazan no Tora
São Paulo, SP

Pousa na janela
e lhe dou os parabéns –
Dia da Ave
Madô Martins
Santos, SP

Dia da Ave –
A família comemora
no meio da mata
Regina Alonso
Santos, SP

Casal da cidade
Reclama das ferroadas –
Mutucas na trilha.
Reneu Berni
Goiânia, GO

sol da manhã –
nas flores amarelinhas
mutuca vai e vem
Rose Mendes
Ilhabela, SP

dia da ave –
assobia com passarinhos
meu velho pai
Rose Mendes
Ilhabela, SP

Parque em quarentena –
As flores de cerejeira
que ninguém verá.
Zekan Fernandes
São Paulo, SP

Temas de outubro (postar até 10 de setembro)
Canário-da-terra – Agrião – Plantar café

Temas de novembro (postar até 10 de outubro)
Céu de primavera – Tié-preto – Cacau

Comentários
Loading...