Comunidade nikkei se despede do maestro Akihisa Kitagawa

O maestro e professor Akihisa Kitagawa desembarcou no país em 1962 e deixou muitas saudades (Arquivo/Jiro Mochizuki)

Dois mil e vinte começcou mais triste para a comunidade nikkei. Faleceu na sexta-feira, 3, por volta das 20h30, em São Paulo, aos 82 anos, o professor e maestro Akihisa Kitagawa. Internado desde o último dia 30, em um hospital na zona Oeste de São Paulo, Kitagawa era casado com Yochimi Kitagawa. Apaixonado por música era uma grande referência para os simpatizantes do karaokê.
Formado pela Faculdade de Música de Osaka, especializando-se em canto, regência e piano, Akihisa Kitagawa chegou ao Brasil em 1962 e presidiu a Associação Nipo-Brasileira de Cultura Musical. Foi fundador da Nippon Amateur Kayo Renmei do Brasil, entidade que desde 1997 envia cantores brasileiros para o Japão.
O corpo foi velado no Cemitério Municipal de Santo Amaro (Rua Ministro Roberto Cardoso Alves, 186),onde aconteceu o sepultamento.
Muitos amigos foram se despedir pessoalmente do Sensei. Muitos também usaram as redes sociais para lamentar a perda. Presidente da UPK – União Paulista de Karaokê – Pedro Issamu Mizutani escreveu que, “lá do céu [Akihisa Kitagawa] estará nos guiando e transmitindo seus ensinamentos”. A professora, cantora e jurada Mary Hassunuma disse que o maestro “fará muita falta”. O produtor musical Tatsuo Hamada lembrou que, em 1969, o maestro apresentou a abertura do show da cantora Misora Hibari no Ginásio do Ibirapuera, em São Paulo. O vereador Aurélio Nomura, que em 2012 foi o proponente da homenagem que concedeu o Título de Cidadão Paulistano ao maestro, também manifestou solidariedade à Yochimi Kitagawa, bem como o presidente do Jornal Nippak, Raul Takaki, e muitos outros.
Em sua mensagem de agradecimento pelas manifestações carinhosas de amigos e fãs, Yochimi Kitagawa destacou que “continuaremos unidos, vivendo um dia de cada vez, enfrentando com coragem os momentos de tristeza para conseguirmos superar esta profunda dor”.

Missa de 7º Dia – A Missa de Sétimo Dia será celebrada neste sábado (11), ao meio-dia, no Templo Honpa Hongawanji do Brasil   – Nishi Hongwanji – à Rua Changuá, 108, na Praça da Árvore (zona Sul de São Paulo),

Leia a mensagem de agradecimento de Yochimi Kitagawa:

“Quero agradecer a todos os amigos e pessoas conhecidas que de alguma forma fizeram chegar até nós palavras de muito conforto após o falecimento do nosso querido familiar Akihisa Kitagawa. Continuaremos unidos, vivendo um dia de cada vez, enfrentando com coragem os momentos de tristeza para conseguirmos superar esta profunda dor.

Gratidão Yochimi Kitagawa”

Comentários
Loading...