Chá verde: Vantagens que vão desde o emagrecimento à expectativa de vida

Bebida é facilmente relacionada ao emagrecimento e também está presente em várias celebrações (divulgação)

Atualmente, o chá verde é uma bebida japonesa facilmente relacionada às dietas e ao emagrecimento, pois é rico em antioxidantes capazes de acelerar o metabolismo e, consequentemente, a queima de gordura.
Apesar disso, por muito tempo, foi sinônimo de celebrações, hospitalidade, tradição e respeito. Algo aplicado e observado nas cerimônias do chá, comuns no Japão, que significam muito mais que simplesmente o ato de tomar chá, é a união de elementos e movimentos que simbolizam harmonia, respeito, pureza e tranquilidade.
A seguir, descubra os benefícios de consumir o chá verde e confira algumas dicas de receitas. Assim, você pode evitar tomar essa bebida em sua forma natural e inserir no seu dia a dia de outras maneiras.

Boa saúde, bem estar e longevidade são alguns dos benefícios (divulgação)

Benefícios do chá verde
Embora poucos conheçam os benefícios do chá verde, nos países ocidentais, essa bebida pode ser facilmente confundida com um medicamento homeopático, uma vez que apresenta diversas vantagens a quem consome, o que provavelmente deve explicar parte da boa saúde, bem estar e longevidade dos japoneses.
Assim, para começar, vamos tirar a ideia de que a principal serventia desse chá é o emagrecimento, já que essa é apenas uma das utilidades, juntamente com o fato de:

  • Reduzir os riscos de diabetes, câncer e problemas mentais, como o Alzheimer;
  • Estimular as funções cerebrais;
  • Melhorar a imunidade, saúde bucal e desempenho físico;
  • Equilibrar os níveis de colesterol e pressão arterial;
  • Diminuir o aparecimento de rugas.

Ou seja, a partir do momento em que se inicia o consumo do chá verde, sua saúde física e mental, assim como sua aparência, tende a mudar.
No entanto, não espere que essa bebida faça milagres, pois tudo dependerá também da união do novo hábito de ingerir chá verde com uma rotina mais saudável.
Então tome esse chá, mas tenha também uma alimentação equilibrada, faça exercícios, tenha a mente mais leve e busque não se sobrecarregar.

Embora inofensivo e saudável, em excesso pode apresentar riscos (divulgação)

Riscos do seu consumo excessivo
Se você pesquisar por dieta do chá verde, logo encontrará um cardápio da “alimentação ideal” para o emagrecimento a partir dessa bebida, algo que provavelmente te dirá para tomar ao menos três a quatro xícaras por dia.
O problema de buscar uma dieta alimentar pela internet é que muitas vezes não se adequa a todas as pessoas, já que cada organismo necessita de quantidades diferentes de nutrientes. Portanto, o mais indicado é buscar por um profissional que te dirá corretamente o que fazer para atingir o seu objetivo.
Esse conselho serve para mostrar que, embora algo pareça completamente inofensivo e saudável, em excesso as coisas podem não funcionar como o esperado. Como é o caso do chá verde que traz consigo o risco de:

  • Sobrecarregar alguns órgãos, como o fígado;
  • Provocar insônia e piorar a ansiedade devido à pequena quantidade de cafeína contida no chá;
  • Diminuir a absorção de certos nutrientes;
  • Causar gastrite.

Logo, não tente consumir o chá verde como se fosse água. Tome com moderação e não abandone hábitos saudáveis. Caso tenha dúvidas sobre a sua ingestão, fale com um médico, pois ele lhe dirá o quanto é indicado consumir.

Receitas com matchá
O chá verde pode ser encontrado de diversas maneiras, como: em folha, sachê, cápsulas ou em pó. Essa última opção, porém, tem se mostrado a mais benéfica a quem consome e deseja emagrecer, já que é considerada mais forte em questão de quantidade de nutrientes e antioxidantes.
Sua versão em pó é conhecida por matchá. Com essa forma, é muito mais simples e prático fazer uma variedade de receitas saudáveis e nutritivas. Conheça abaixo algumas delas.

Bolo de matchá: diferença está na leveza (divulgação)

Bolo
A diferença do bolo de matchá para outros demais é simplesmente a sua leveza, que pode ser percebida tanto na maciez da massa quanto no sabor marcante, porém, suave.

  • 1 colher de chá de matchá;
  • 1 xícara de chá de farinha;
  • 23ml de óleo vegetal;
  • 30ml de leite morno, cerca de 20 a 30 segundos esquentado no microondas;
  • 3 ovos;
  • 1 xícara de açúcar;
  • 1 colher de chá de fermento.

Modo de preparo
Una a farinha ao matchá, peneire e reserve;
Para uma massa macia, separe as gemas das claras e bata as claras em neve, na batedeira;
Acrescente o açúcar aos poucos e, por fim, as gemas;
Enquanto isso, misture o leite morno com o óleo vegetal, esquente-os por 20 a 30 segundos no microondas e reserve;
Coloque então, gradualmente, a mistura de farinha com matchá na tigela com as claras em neve, a gema e o açúcar e bata com o fuet ou uma espátula;
Adicione o leite com o óleo e, por fim, o fermento, misturando devagar até ficar homogêneo;
Leve ao forno em 180ºC por 30 a 35 minutos. Para descobrir se deu certo, após esse período, perfure com um palito e veja se esse saiu limpo.

Crepe de chá verde: o mais comum é a receita das mil folhas (divulgação)

Crepe
Os crepes, em geral, podem ser feitos para doces ou salgados.
Contudo, quando falamos do crepe de chá verde, o mais comum é a receita das mil folhas, que intercala uma camada de massa cozida e uma de chantilly, fazendo com que, ao final, pareça um bolo recheado de matchá.
Para essa receita, tenha em mãos:

  • 1 xícara de farinha;
  • 1 colher de sopa de matchá;
  • 1 1/2 xícara de leite;
  • Pitada de sal;
  • 1 colher de sopa de açúcar;
  • 3 ovos grandes;
  • 1 colher de chá de baunilha.

Modo de preparo: Junte todos os ingredientes líquidos citados anteriormente e misture cuidadosamente até adquirir uma consistência homogênea. Em seguida, una em um refratário todos os ingredientes sólidos e os mexa, para que então peneire e acrescente à massa líquida. Bata tudo com o fuet ou espátula até obter uma massa leve e líquida. Por fim, unte uma frigideira com um pouco de manteiga e coloque uma fina camada de massa, cozinhando por cerca de 1 a 2 minutos.
Uma dica para o crepe de chá verde é adicionar não apenas o chantilly, mas também algumas frutas, como o morango, aumentando seu sabor e leveza.

Bebidas de matchá (divulgação)

Bebidas
Embora pareça óbvio demais falar em bebidas e chá verde, aqui não estamos falando de fazer um chá quente ou gelado e sim de tentar algumas coisas diferentes, como:

  • Matchá latte: preparado com leite morno, 1 colher de chá de matchá, 1/2 colher de chá de canela em pó e gengibre em pó, 1 colher de chá de mel.
    Para realizar a receita, basta aquecer o leite e unir todos os ingredientes. Uma sugestão interessante é bater com o mixer para formar uma espuma e acrescentar canela em pó;
  • Caipirinha de matchá: uma receita que prova que o chá verde não precisa ser servido apenas quente. Separe então 1 limão taiti cortado, cachaça, 1colher de sopa de açúcar, 1 colher de chá de matchá e gelo.
    Agora faça o preparo habitual de uma caipirinha, socando com o pilão o limão e o açúcar. Em seguida, adicione a cachaça, o gelo e o matchá que devem ser misturados ou batidos na coqueteleira.
Sorvete de matchá (divulgação)

Doces
Já falamos de alguns ótimos lanches e bebidas de matchá, agora não podemos deixar de lado as sobremesas e guloseimas para atacar. Então, saiba que podemos fazer também:

  • Brigadeiro: feito semelhantemente ao brigadeiro de chocolate branco. Necessita de 1 lata de leite condensado, 200g de chocolate branco, 1 colher de manteiga e 12 – 15g de matchá.
    Inicialmente, mexa o matchá em um pouco de água para torná-lo líquido. Em seguida, junte todos os ingredientes e misture em fogo médio até desgrudar da panela. Para finalizar, basta decidir se comerá na colher ou irá enrolar. Caso decida enrolar, espere que esfrie e faça como faria com um brigadeiro comum;
  • Sorvete: tão simples quanto o brigadeiro, o sorvete de matchá precisa apenas de 20g de matchá, 100ml de leite, 1 caixa de leite condensado e 400g de chantilly.
    Para o seu preparo, esquente o leite no fogo médio para que então possa acrescentar o matchá e o leite condensado. Mexa bem com o fuet, até apresentar uma mistura homogênea. Em outra tigela, bata o chantilly com a batedeira até chegar ao ponto certo. Peneire a mistura com o matchá e acrescente ao chantilly. Embora seja simples, o chato mesmo é a parte que demora, já que deve ser colocado no freezer por 3 horas. Para, em seguida, ser retirado e batido novamente com a batedeira por 3 minutos, inserido no freezer por mais 2 horas. Retirado, de novo, após esse período e batido por 3 minutos e, finalmente, colocado no freezer pelas suas últimas 2 horas.

Dentre essas receitas de chá verde, qual você mais gostou ou achou fácil de fazer? Adicione ao seu dia e dê a si mais prazer, sabor e saúde que nós sabemos que você merece.
(Mariana Kisaki)

Comentários
Loading...