18º BON ODORI/GOIÁS: No formato drive-in e com gastronomia, 18º Bon Odori da ANBG espera 800 pessoas em dois dias

Serginho Tanigawa, Paula Hirama, Isa Toyota e Takeshi Nishimura no espetáculo Show da Imigração (divulgação)

A Associação Nipo-Brasileira de Goiás realiza nos próximos dias 18 e 19 (sexta e sábado), das 19h30 às 23h, no Clube Kaikan, no Setor Itatiaia, a 18ª edição do Bon Odori: o Festival de Música, Dança, Culinária e Artes Japonesas. Corealizado com a Embaixada do Japão e com coordenação do produtor Anselmo Troncoso, será o primeiro grande evento presencial da cultura japonesa no Brasil na pandemia.
O presidente da associação, Marco Túlio Toguchi, explica que é um “desafio muito grande fazer o primeiro evento da cultura japonesa no Brasil pós-pandemia com gastronomia”. “Mas com a união de todos do Kaikan e, em correalização com a Embaixada do Japão, acreditamos no sucesso”, conta o yonsei – descendente de japoneses da quarta geração –Marco Túlio.
Ele explica que, para o evento, será montado um palco de 60 m² e um telão principal de 108 m² (12 x 9 m), além de 2 telões auxiliares.
O som será instalado em todo o ambiente, com possibilidade de sincronização via frequência de rádio dentro dos veículos.
O público presente participará do evento de dentro de seus veículos, que serão estacionados no local onde foram realizadas as edições anteriores, com visão para o palco e telões, – que serão instalados sobre o solarium da sede da ANBG. Entre os veículos haverá espaço mínimo de 1,5 metros na lateral , 4 metros à frente e 4 metros ao fundo.
A expectativa é receber um público estimado de 400 pessoas – ou 110 veículos – por dia, totalizando 800 pessoas – ou 220 veículos nos dois dias.

Medidas – Segundo Toguchi, não serão envolvidas pessoas do grupo de risco na organização presencial do evento e os convidados só poderão sair dos veículos para irem ao banheiro, utilizando-se de máscara de proteção.
Quanto à alimentação, os pratos (sushi, sashimi, tempurá de legumes, gyoza, yakissoba, hot filadelfia, entre outros), serão levados até os veículos por voluntários, que também estarão usando equipamentos de proteção.
Também será distribuído álcool em gel (70%) para todos os convidados, voluntários e colaboradores, que também utilizarão os devidos EPI’s.

Grupo Kyoushin Daiko estará se apresentando no palco do evento (divulgação)

Show da Imigração – O público presente e o virtual contará com apresentações dos grupos de “Taiko Kyoushin Daiko” e do “Yuugen Group” de São Paulo, com um emocionante show contando a história da imigração japonesa para o Brasil, produzido especialmente pelo produtor Fábio Toma e os artistas Sérgio Tanigawa, Takeshi Nishimura, Isa Toyota e Paula Hirama, que também protagonizaram o Show da Imigração Japonesa, espetáculo apresentado em fevereiro deste ano no Grande Auditório do Bunkyo (Sociedade Brasileira de Cultura Japonesa e de Assistência Social) em prol da Assistência Social Dom José Gaspar Ikoi-no-Sono,
Cada ingresso dá direito a acesso de um veículo de passeio, com até 5 pessoas, incluso um combinado especial contendo uma porção de hot philadelphia; uma porção de gyoza; uma porção de tempura de legumes; e uma porção de karaguê.
Outros pratos típicos como sushi e sashimi serão vendidos no dia do evento, através de aplicativo personalizado.
O ingresso custa R$ 220,00 (por dia e por veículo de passeio) e estão à venda exclusivamente na Loja Missê (Av. T-2).
Formas de pagamento: cartão de crédito/débito e dinheiro.

Comentários
Loading...