‘Histórico’, 11º Nikkei Fest celebra os 90 anos de fundação da Acae de Presidente Prudente

(Aldo Shiguti)
(Aldo Shiguti)

A Acae de Presidente Prudente (Associação Cultural, Agrícola e Esportiva) realizou nos dias 3, 4 e 5 deste mês, em sua sede de campo, a 11ª edição do Nikkei Fest – Festival de Cultura e Gastronomia Japonesa. Realizada anualmente desde 2008, a festa este ano comemorou os 90 anos de fundação da Acae – entidade responsável pelo evento – e os 111 Anos da Imigração Japonesa no Brasil.
Apesar de preferir não falar em número e ainda não tr um balanço oficial, o presidente da Acae, Yoshinori Yassuda, confirmou à reportagem do Jornal Nippak, que a festa costuma atrair mais de 30 mil visitantes (público rotativo). Para isso, além da tradicional gastronomia japonesa, o evento contou com algumas atrações “importadas” da Capital e de Londrina.
De São Paulo, destaques para as apresentações de danças folclóricas com a Associação Cultural Tottori Kenjin do Brasil (com o Shan Kassa Odori); a cantora Karen Ito – que retornou ao palco do Nikkei Fest – os mágicos Ossamá e Fujikan, do The Oriental Magic Show; o Grupo Min de Músicas Folclóricas Japonesas e, pela primeira vez, todo o encanto e beleza da dança okinawana com Saito Satoru Ryubu Dojo (com participações especiais dos seinens da Associação Okinawa de Santa Clara e da Associação Okinawa de Santo André.

Cerimônia de abertura do 11º Nikkei Fest com a presença de autoridades e patrocinadores (Aldo Shiguti)
Cerimônia de abertura do 11º Nikkei Fest com a presença de autoridades e patrocinadores (Aldo Shiguti)

Do Paraná veio a professora Renata Tan e seus alunos do Projeto Karaokê Londrina, o Grupo Sansey e o Nihon Buyô Hanabusa Kai, ambos também de Londrina.
Os “prata da casa”, no entanto, também deram show como o grupo de taikô Dantai Fênix, que contagiou a plateia nos dois dias, além de participções do Grupo Tomodatikai, Ryubu no Tomo da ACEO, Academia Fu Long de Kung Fu Wushu, Karate Shinkyokushin Issami Dojo, Acevi de Presidente, Yushi Fujinkai, Templo Budista Honpa Hongwanji, Templo Budista Nambei Honganji, Radio Taissô de Martinópolis, Seicho no ie de Martinópolis, ACAD Pirapozinho, ACEAM Álvares Machado, Grupo Happy Soul, Cherry, Sweet Littles e Dream Night. O evento contou ainda com os concurso Garota e Garotinha Nikkei Fest 2019.
Este ano, os organizadores decidiram ampliar o espaço reservado à festa com a abertura de uma área destinada à oficinas e workshops, proporcionando mais conforto e comodidade aos visitantes.

Sensei Sachiko Ono recebe homenagem dos organizadores (Aldo Shiguti)
Sensei Sachiko Ono recebe homenagem dos organizadores (Aldo Shiguti)

Abertura – Já na sexta-feira, 3, primeiro dia do Nikkei Fest, a reportagem do Jornal Nippak – que cobriu o evento pela primeira vez a convite dos organizadores – constatou uma grande presença de público. A praça de alimentação, por exemplo, chegou a ficar lotada, bem como a area destinada às apresentações.
A cerimônia de abertura contou com a presença do presidente da Acae, Yoshinori Yassuda; do vice-prefeito de Presidente Prudente, Douglas Kato; do deputado estadual Ed Thomas (Edson Tomazini); do presidente da Associação Cultural Nipo-Brasileira da Alta Sorocabana (Hansoro), Toshio Koketsu; do presidente da Câmara Municipal, Demerson Dias; do secretário municipal de Cultura, José Fábio Sousa Nougueira, patrocinadores e representantes de associações locais e de Pirapozinho e Paraguaçu Paulista, entre outras autoridades.
Na ocasião, Celso Fernandes, chefe de Gabinete do vereador Izaque Silva, entregou duas moções de júbilo ao presidente da Acae pela realização da festa. A sensei Sachiko Ono também foi homenageada pela primeira dama do município.

Yassuda entre Douglas Kato e Celso Fernandes (Aldo Shiguti)
Yassuda entre Douglas Kato e Celso Fernandes (Aldo Shiguti)

Desafio – Representando o prefeito Nelson Roberto Bugalho (PTB), o vice, Douglas Kato (PTB), destacou que a realização do Nikkei Fest “é uma forma de perpetuar o que os nossos antepassados fizeram pela nossa cidade, pelo nosso país”. “Manter essa cultura é o nosso desafio diário”, disse, acrescentando que a preservação da cultura e costumes se faz por conta da dedicação de todos.
Ao Jornal Nippak, Douglas Kato explicou que a presença da colônia japonesa em Presidente Prudente acontece através da Acae, além de outras associações, “e tem um peso muito grande no desenvolvimento do município”.
“Esta festa resgata toda a cultura que, às vezes, por conta da correria do dia a dia, acaba relegada a segundo plano. E a Acae, através de eventos como o Nikkei Fest, reafirma essa presença trazendo a gastronomia, shows musicais e tudo aquilo que faz parte da essência nipônica”, comentou Douglas, lembrando que, antes de sofrer um acidente de moto que o deixou tetraplégico, costumava frequentar e participar das atividades da Acae. “Gostava de jogar futebol”, conta o vice-prefeito, que depois iniciou sua carreira política como vereador. “Para mim é uma honra muito grande fazer parte deste contexto e continuar contribuindo para as atividades da comunidade em Presidente Prudente”, declarou.

Toshio Koketsu “Festa da cidade” (Aldo Shiguti)
Toshio Koketsu “Festa da cidade” (Aldo Shiguti)

Festa da região – Em nome da Liga das Associações Culturais Nipo-Brasileiras da Alta Sorocabana (Hansoro), Toshio Koketsu parabenizou todas as associações, entidades e empresas locais que contribuem e colaboram para a realização do Nikkei Fest.
“Parabenizamos também o senhor Yoshinori Yassuda, presidente da Acae, que conta com toda equipe de apoio de voluntários, para promover e realizar esta festa contando com a presença de importantes autoridades”, observou, “proclamando em alto e bom som que esta festa não é só da Acae”. “Trata-se de uma festa da cidade, pois é um produto que nasceu pelo carinho e colaboração de todos e que resultou da soma e multiplicação de esforços de todos os integrantes”, justificou Koketsu, lembrando que “este é um ano típico, onde a Acae comemora 90 anos de fundação, a comunidade japonesa celebra 111 anos da imigração e na terra dos nossos ancestrais, vivemos um momento histórico com a passagem da era Heisei para a era Reiwa”.

Presidente da Acae, Yoshinori Yassuda (Aldo Shiguti)
Presidente da Acae, Yoshinori Yassuda (Aldo Shiguti)

Da região – O presidente da Acae, Yoshinori Yassuda, endossou as palavras de Koketsu ao afirmar que a festa “não é minha”. “É de todos vocês e da região”, afirmou e explicou que o objetivo do Nikkei Fest é, primeiro, manter e divulgar a gastronomia e cultura japonesa e, depois, garantir recursos para a manutenção das atividades da Acae.
“Tudo que é bom tem que ser preservado”. “E nossos antepassados nos deixaram um legado que é nossa obrigação transmiti-lo para as próximas gerações”, disse Yassuda, que agradeceu os colaboradores, patrocinadores e diretores, além dos cerca de 600 voluntários que ajudaram para que a festa fosse concretizada. E fez uma agradecimento especial ao cantor e apresentador Nobuhiro Hirata, “que nasceu para brilhar”.

Comentários
Loading...