HAICAI BRASILEIRO: Cação – Bananeira de inverno – Banho de sol

Jornal Nippak publica aqui os haicais enviados pelos leitores. Haicai é um tipo de poema que se originou no Japão. Seu maior expoente é Matsuo Bashô (1644-1694). O haicai caracteriza-se por descrever, de forma breve e objetiva, aspectos da natureza (inclusive a humana) ligados à passagem das estações. Hoje, no mundo inteiro, pessoas de todas as idades e formações escrevem haicais em suas línguas, atestando a universalidade dessa forma de expressão. 

Envie seus haicais (no máximo três de cada tema sugerido) digitados ou em letra legível, com nome (mesmo quando preferir o uso de pseudônimo), endereço e RG. 

Cada pessoa pode participar com apenas uma identidade. 

A seleção dos trabalhos é feita pelos haicaístas Edson Kenji Iura Francisco Handa. 

Envie suas cartas para:
Haicai Brasileiro
A/C Jornal Nippak
Rua da Glória, 332
CEP 01510-000 São Paulo-SP
E-mail: jornaldonikkey@yahoo.com.br
Cc. ashiguti@uol.com.br

 

TEMAS DE AGOSTO

Cação – Bananeira de inverno – Banho de sol

Barraca de feira –
Enfileiradas na tábua
postas de cação.
Benedita Azevedo
Magé, RJ

Vaivém das folhas
no jardim da rodoviária –
Bananeira de inverno.
Carlos Martins
São Paulo, SP

família à mesa
fumegando na panela
sopa com cação
Carlos Viegas
Brasília, DF

no banco da praça
duas velhinhas cochilam
ao banho de sol
Carlos Viegas
Brasília, DF

Convite no ar –
Arroz e couve quentinhos
e o cação bem frito.
Cristiane Cardoso
São Paulo, SP

fogão à lenha
e na panela de barro
fumega o cação
Débora Novaes de Castro
São Paulo, SP

Popular, barato
sobram os cações na banca.
Grito do vendedor…
Irene Fuke
São Paulo, SP

enfim chega à mesa
a moqueca de cação –
como o pai gostava
José Marins
Curitiba, PR

outra vez o vento
na bananeira de inverno –
folhas em farrapos
José Marins
Curitiba, PR

No jardim do asilo
nenhum banco vazio –
Banho de sol.
Mahelen Madureira
Santos, SP

Bananeira de inverno –
Também se curva ao vento
o velho na rua
Regina Alonso
Santos, SP

Freguesa exigente
Confere o cação fresco –
Banca do CEASA.
Reneu Berni
Goiânia, GO

Estrada sem graça –
Bananeiras de inverno
De um lado e outro.
Reneu Berni
Goiânia, GO

homem do mar:
na sua linha de pesca
pequeno cação
Rose Mendes
Ilhabela, SP

por instantes
procuro por outro lugar:
banho de sol
Rose Mendes
Ilhabela, SP

as folhas rasgadas
da bananeira de inverno
solitária ao vento
Seishin
São Paulo, SP

Nesta noite fria
Cai bem sopa de cação
Alegria estampada.
Yone
São Paulo, SP

A praia nas sombras –
bem na fresta entre prédios
o banho de sol.
Zekan Fernandes
São Paulo, SP

Temas de setembro (postar até 10 de agosto)
Vespa – Ipê-branco – Primavera fria

Temas de outubro (postar até 10 de setembro)
Trinado – Flor de caju – Serra vernal

Comentários
Loading...