Esporte que traz inúmeros benefícios, mallet golf promove torneio no Nippon em busca de praticantes

(Jiro Mochizuki)

Modalidade esportiva semelhante ao golfe e que teve origem no Japão, o mallet golf ainda é pouco conhecido no Brasil, onde foi introduzido em 1993 por Makoto Shirahata. Para divulgar sua prática e conquistar novos adeptos, foi realizado neste domingo (8), no Nippon Country Club, em Arujá, o 15º Torneio “Álvaro Yamakawa” de Mallet Golf. A competição contou com a participação cerca de 200 jogadores de 11 clubes/associações de Piedade, Ibiúna, Kokushikan, Grande São Paulo, São Miguel Arcanjo, Colônia Pinhal, Nippon Country Club, Cooper, Biritiba Mirim, Sumaré e Sorocaba.
Um dos homenageados em 2018 com a entrega do 62º Prêmio Paulista de Esportes por sua contribuição em prol do mallet golf, Álvaro Yamakawa agradeceu a presença de todos e das palavras dos oradores: Ikuo Kiyohara, presidente da Federação Paulista de Mallet Golf, Roberto Noda, diretor de Esporte do clube, Edson Akimatsu Yoshida vice-diretor representando os mallet golfistas. Homenageou Makoto Shirahata, o introdutor de mallet golf no Brasil que ficou restrito só no Estado de São Paulo.
Por isso, o nosso maior objetivo, explica, é divulgar essa modalidade esportiva, através do Jornal Nippak, a nível nacional. E apresentou uma ideia de novo formato de mallet golf, “um paradigma”, principalmente para motivar a categoria sênior, que será discutido na próxima reunião da FPMG.
Em seguida fez um brinde tradicional animado.

Álvaro Yamakawa brinda com Makoto Shirahata (Jiro Mochizuki)

Álvaro disse que o objetivo do torneio que leva seu nome é “ajudar o crescimento do esporte na sociedade brasileira”. “Apesar de não ser uma modalidade muito conhecida, como todo esporte o mallet golf traz muitos benefícios para seus praticantes, especialmente para os da terceira idade”, explica Yamakawa.
Segundo o atual, presidente da Federação Paulista de Mallet Golf, o Estado de São Paulo conta atualmente com cerca de 30 campos e as seguintes entidades federadas: Nippon Country Club, Cooper Atlético Clube, Piedade, Ibiúna, Sorocaba, São Miguel Arcanjo, Sumaré, Grande São Paulo (Itapecerica da Serra), Colônia Pinhal, Kokushikan, Itapetininga, Mogi Mirim e Marília – todas com dois campos, exceto as duas últimas, além de outras não federadas: Mogi das Cruzes, com dois campos, e Furuya Park, com três campos.
Apesar de estar associada à terceira idade, o mallet golf pode ser praticado por pessoas de qualquer faixa etária – homens ou mulheres – pois depende unicamente da habilidade individual dos praticantes. “Uma pessoa de 90 anos, por exemplo, pode vencer um jovem de 20 anos”, conta Yasuji Uemura, que comandou a Federação Paulista de Mallet Golf por duas gestões – foi o segundo presidente da entidade.
Segundo ele, as regras também são simples. “Basicamente são as mesmas do golfe com algumas adaptações”, conta Uemura, destacando que hoje o grande desafio é expandir a modalidade também entre os não descendentes de japoneses.

15º Torneio do Nippon Country Club contou com a participaçao de cerca de 200 jogadores de 11 clubesassociações (Jiro Mochizuki)

Evolução – Para Ikuo Kiyohara, a busca por novos praticantes também é uma preocupação da atual gestão. De acordo com ele, hoje, a idade média dos cerca de 1000 praticantes é de 75 anos de idade. “Para nós, é importante que haja uma renovação”, conta, explicando que o mallet golf é um dos poucos esportes que o praticante não depende de equipe nem de parceiros. “No caso, o adversário é você mesmo”, diz, lembrando que atualmente no Estado de São Paulo a Federação promove mensalmente o Campeonato Brasileiro em 10 etapas, semelhante a Formula 1.
Primeiro presidente da Federação Paulista de Mallet Golf, Akio Hashizume – um dos fundadores da entidade ao lado de Yasuji Uemura e outros abnegados – afirma que hoje a situação é bem melhor do que há 15 anos. “No início não tínhamos nada, hoje o Nippon Country Club tem uma estrutura de tirar o chapéu”, elogia.
Pioneiro, Makoto Shirahata que o diga. “Fico feliz com a evolução do mallet golf, mas o esporte pode evoluir ainda mais em termos de praticantes”, conta Shirahata, que introduziu o esporte há 26 anos, no Furuya Park, em Ibiúna. E, ele próprio revela os benefícios de quem pratica. “Jogo até hoje”, observa Shirahata, explicando que no mallet golf a pessoa anda em média cerca de dois quilômetros para completar todo o trajeto.

(Jiro Mochizuki)

Círculo social – De acordo com o diretor do Departamento de Mallet Golf do Nippon Country Club, Oscar Sato, o campo do mallet golf tem 18 buracos e, para um torneio, são usados dois campos de cerca de 10 mil metros quadrados cada um. “Você pratica atividade e nem sente”, diz ele, destacando que o mallet golf também traz outros benefícios para seus praticantes, como longevidade e, além disso, aumenta seu círculo de amizades.
“Eu, por exemplo, podia estar em casa, sem fazer nada, mas quando venho aqui me sinto bem porque, além de diversão, o mallet golf faz com que seu praticantes se sintam valorizados pois traz de volta o espírito esportivo”, contaYasuji Uemura.

Saiba onde praticar Mallet Golf

Para obter mais informações:

Nippon Country Club: https://www.nipponcountryclub.com.br/mallet-golf golf
NCC (sueokariya@hotmail.com)
FPMG (kiyoharapk@yahoo.com.br)
Alvaro Yamakawa: yamakawaalvaro@gmail.com

Ibiúna (SP) – Centro Cultural e Esportivo de Ibiúna (CEI). Tel.: 15/3241-1100. Contatos: Nobuki Takano (Tel.: 15/99800-1214) / Setsuko Saito (15/99711-3830)
Piedade (SP) – Associação Cuoltural e Esportiva de Piedade. Tel.: 15/3244-1644. Contato: Fumiyoshi Ibusuki (Tel.: 15/99613-9722)
Sumaré (SP) – Associação Cultural e Esportiva Nipo-Brasileira de Sumaré. Contatos: Paulo Taniguti (Tel.: 19/7803-7424) / Nobumasa Shimizu (Tel.: 19/9700-4813)
Sorocaba (SP) – União Cultural e Esportuva Nipo-Brasileira de Sorocaba. Contatos: Helvecio Siqueira de Oliveira (Tel: 11/96842-7562)
Biritiba Mirim (SP) – Associação Cultural Desportiva de Birtiba Mirim. Contatos: Carlos Minami (Tel.: 11/4692-1716/2500/2800) / Massayoshi Kato (Tel.: 11/97546-6423)
Cotia (SP) – Cooper Clube (Departamento de Mallet Golf). Contatos: Pedro Kiyohara (Tel.: 11/98602-6715) / Milton Horita (11/9 9272-4724)
São Roque (SP) – Associação de Mallet Golf Kokushikan. Contatos: Elena Akio Hashizume (11/4611-0191/95854-4662). Akio Hashizume (Tel.: 11/99999-1282)
Itapetininga (SP) – Associação Cultura e Esportiva de Itapetininga. Contatos: Benedito Fretias Mendes (15/99653-3703)
São Miguel Arcanjo (SP) – Associação Cultural e Esportiva São Miguelense. E-mail: sushikata@hotmail.co.jp
Itapecerica da Serra (SP) – Associação de Mallet Golf da Grande São Paulo. Contatos: Paulo Tabata (Tel.: 11/96485-5609/3271-6519) /Hiromi Yokota (Tel.: 11/97189-1104)
Colônia Pinhal (SP) – Associação Cultural e Esportiva de Colônia Pinhal (SP). Contatos: Toshi Okawara (Tel.: 15/99754-6544) / Masashi Okamori (Tel.: 15/99752-8727)
Marilia (SP) – Nikkey Clube de Marília. E-mail: mallet_mariia@yahoo.com.br

Comentários
Loading...