Associação Nikkei do Rio de Janeiro inaugura Museu Histórico da Imigração Japonesa

(Teruko Okagawa Monteiro)
(Teruko Okagawa Monteiro)

A comunidade nikkei do Rio de Janeiro e também os moradores da cidade acabam de ganhar seu próprio Museu Histórico da Imigração Japonesa. Inagurado no dia 15 de dezembro, na Associação Nikkei do Rio de Janeiro, na Rua Cosme Velho, 1166, a cerimônia fez parte dos eventos comemorativos dos 110 anos da Imigração Japonesa no Brasil no Rio de Janeiro. Minoru Matsuura, presidente da Comissão Organizadora dos 110 anos, e Takashi Mori, presidente da Renmei (Associação Cultural e Esportiva Nipo-Brasileira do Estado do Rio de Janeiro), fizeram suas saudações.

Inauguração, que fez parte das comemorações dos 110 Anos, reuniu várias personalidades da cidades (Teruko Okagawa Monteiro)
Inauguração, que fez parte das comemorações dos 110 Anos, reuniu várias personalidades da cidades (Teruko Okagawa Monteiro)

Akiyoshi Shikada – falecido e admirado presidente da Renmei, que sempre sonhara pela existência do museu – foi lembrado com carinho, emocionando a esposa Sanae Shikada, a filha Lenise e neta Amanda Mayumi.
Takashi Mori conclamou 3 brindes, respondidos calorosamente por personalidades e representantes de cidades fluminenses. Minoru Matsuura desatou a fita inaugural junto ao cônsul-geral adjunto no Rio de Janeiro, Ken Kondo.

Takashi Mori, presidente da Renmei, conclama brindes (Teruko Okagawa Monteiro)
Takashi Mori, presidente da Renmei, conclama brindes (Teruko Okagawa Monteiro)

O Imin Shiryoukan destacou o trabalho “fecundo” dos imigrantes, que batalharam no Estado do Rio de Janeiro. A designer Mary Paz, da empresa Vertente, encontrou solução plástica para sínteses históricas, utensílios, fotos pesquisados pela Comissão dos 110 Imin/Rio: o museu, condensado e ilustrativo, encanta pela beleza e conteúdo. Registros comprovam que o Estado do Rio de Janeiro recebeu pioneiros anteriores aos imigrantes do navio Kasato Maru e, de forma atípica, que o diferencia de outros locais de imigração do Brasil.

Ferramentas utilizadas pelos pioneiros japoneses (Teruko Okagawa Monteiro)
Ferramentas utilizadas pelos pioneiros japoneses (Teruko Okagawa Monteiro)

O museu virtual, em desenvolvimento, já tem páginas que podem ser apreciadas em www.mhijrio.com.br.
O internauta poderá acessar materiais exclusivos, que estão localizados em outras cidades do estado do Rio de Janeiro, e assim enriquecer a cultura e os conhecimentos de suas origens. Pede-se, a quem queira acrescentar peças e conhecimentos ao museu, entrar em contato através do site.
(Texto e fotos de Teruko Okagawa Monteiro)

Comentários
Loading...