AKIRA SAITO: Sempre bem

“Meu Ojichan (avô) sempre respondia quando eu perguntava se estava Bem: – Ojichan sempre bem!”

Hoje é comum (não significa que é normal) quando perguntamos a alguém se ela está bem, a resposta vem com uma enxurrada de problemas e coisas negativas. Tudo bem que a pessoa esteja talvez passando por um mau momento, mas será que isso não virou simplesmente um “costume”?
As pessoas tem por natureza o mau hábito de se atentarem mais para as coisas ruins do que para as boas, mas na prática, isso não faz bem a ninguém, nem para aquele que está falando, nem para aquele que está ouvindo. Energias negativas acabam atraindo mais energia negativa.
Talvez a forma com que meu avô olhava a vida e enfrentava as dificuldades (que foram muitas e que não caberia no texto) desde sua vinda como imigrante, até as doenças (que provou para os médicos que estavam errados) sempre passava a impressão de que estava tudo bem, pois assim ele mesmo afirmava com convicção.
Talvez devêssemos encarar a vida com menos complexidade, com olhar mais simples, de sentir-se bem e afortunados.
Afinal de contas, estar sempre bem passa a ser uma opção, uma perspectiva de ver as coisas, não acham?
– Sim, eu também estou sempre bem!

GANBARIMASHOU!!!!!

Comentários
Loading...